Um espaço italianinho e maluco

Quarta-feira, 5 de Novembro de 2008
Apesar da ultrapassagem hei de agradecer os Brasileiros

Como este meu blog italianinho e maluco acabou destacado no Sapo nas últimas horas recebeu mais visitas do costume, como sempre acontece aos blogs destacados, claro, a publicidade paga, e assim recebeu muitas visitas de Portugueses, que agora subiram no primeiro lugar da classifica das visitas no meu blog, lugar que desde sempre tinha sido ocupado pelos visitadores brasileiros, assistí portanto a esta "ultrapassagem", mas já sei que quando as luzes do destaque Sapo se afastarem do meu blog para iluminarem outro blog, então os Brasileiros vão voltar a ocupar o primeiro lugar na classifica dos visitadores. De facto os visitadores portugueses chegam geralmente ao meu blog sobretudo através do próprio Sapo, enquanto os Brasileiros chegam através do Google, através dos tags. O serviço da Vivistat dá-me os keywords procuradas que levaram a visitas no meu blog, os visitadores brasileiros parecem muito interessados em novelas, e na musica. Agora, eu gosto da musica, e no meu blog apareceram já varias canções italianas, no que respeita as novelas, simplesmente detesto, vou agora fazer-me muitos inimigos, mas fazer o que? Realmente não posso com as novelas!

Por acaso, nos primeiros Posts deste blog, eu era muito anti-Brasil , é que amo a Língua Portuguesa e ao ouvir o sotaque brasileiro, ao ler como eles escrevem, eu ficava irritado, e parecia-me que a Língua Portuguesa, em mãos brasileiras, estava a ser muito mal tratada, e sonhava com uma lusofonia sem o Brasil. Utopia!!! Depois, com o tempo, aos poucos mudei de ideias em relação aos Brasileiros, e ao ver como eles visitavam e liam o meu blog fiquei a sentir gratidão para eles e hoje gosto mesmo muito deles, e estou feliz ao ver que muitos Brasileiros lêem o meu blog. Continuo pensando que no fundo eles já nem falam português, falam mas é brasileiro, e eu estou a favor duma maior liberdade para a língua brasileira, que já devia ter o status de língua, livrando-se sem complexos desta dependência linguistica de Portugal e assim como dizemos que existem o castelhano e o catalão, o holandês e o afrikaans, devíamos dizer que existem o Brasileiro e o Português , a Assimil, editora francesa de cursos para aprender línguas, têm por exemplo um curso para aprender  português, e outro, diferente, para aprender  brasileiro. Mas claro, motivos económicos impedem este divorcio e assim estas duas línguas, hoje tão diferentes entre elas, continuam obrigadas a partilharem a mesma casa, como um par que não se pode separar por motivos económicos, pela necessidade de partilhar casa e custos. Na minha opinião é pena que assim seja. Qualquer dia ainda hei de ir para o Brasil, mas não queria ver o Rio de Janeiro no Carnaval, não queria algo turístico, e sim queria ver Manaus, Orobó ou o Cruzeiro do Sul (Acre).

Neste post queria agradecer particularmente todos os visitadores brasileiros que me acompanharam nestes meses, incluindo os que vivem no estrangeiro e têm dupla cidadania, porque uma pessoa, se Brasileira, é Brasileira para sempre. Queria também pedir desculpas pelas minhas atitudes um bocado agressivas contra os Brasileiros nos meus primeiros posts deste blog, hoje sou uma pessoa diferente e já não tenho esses preconceitos absurdos que tinha há uns meses em relação aos Brasileiros.

Ah...apesar de tudo eu gosto da musica Brasileira, e de vez em quando me ponho a cantarolar algo, Bruno e Marrone, Calcinha Preta, SPP....

Um grande abraço a Brasileiras e Brasileiros.

 

....Traz de volta meu sorriso, por amor de Deus...estou perdido de desejo, estou apaixonado, aborrecido, coração magoado, mas não tem jeito, eu quero ter você...preciso de você....precisooooooo...preciso de você aquiiiiiiiiii....amor eu sou seu dependente coração carente... (Zezé di Camargo e Luciano - Saudade Bandida)

 

a  canção é aqui

 


:

publicado por Il Conte às 19:06
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Segunda-feira, 28 de Julho de 2008
Obrigado. Thank you. Grazie. Merci. Danke. Gracias.

Há imensos blogs no mundo cheios de palavras de falta, tristeza, insatisfação. Ela/ele não me ama então estou triste, queria ser um escritor  famoso  mas ninguém lê o meu blog então estou triste, queria ir de ferias para Acapulco e só posso ir para o Algarve então estou triste...etc.

Bem eu acho que devíamos aprender também a dizer obrigado de vez em quando. Continuar a pensar no que nos faz falta não faz sentido, como muito bem diz o ditado português, tristezas não pagam dividas.

A gratidão pelo contrario faz acontecer magias na nossa vida.

Quando começamos a ficar agradecidos para o que JÁ TEMOS ficamos logo melhor e a nossa vida também vai mudar para o melhor, que o Universo gosta de quem sabe apreciar os donos.

Quanto mais aprendermos a agradecermos para o que já temos, mais coisas lindas e boas alcançamos.

Este vai ser um post aborrecido para muitos, mas agora eu quero agradecer para o que já tenho.

Nos últimos tempos tinha mudado frequentemente a canção do blogue, mas agora acho que ao menos por um mês, digamos até ao fim de Agosto, vai ficar "Thank You" da Alanis Morrisette como canção do blogue. Quem não quiser ouvir e/ou agradecer a vida, pode simplesmente desligar o som do blogue.

E agora é altura de eu agradecer.

Quero agradecer:

  1. Deus, pelo amor que me deu sempre, apesar de tudo, pela vida que me deu e que me dá, por eu ter vivido e aprendido, por eu estar ainda aqui, vivo, pela saúde que me dá. Muitos morreram hoje, eu por enquanto continuo vivo. Também vou morrer, eu sei, mas agora estou vivo. Obrigado, Meu Senhor.
  2. Os meus Pais, porque me amaram, apesar de tudo, porque me deram a vida, abençoados por Deus, porque nunca deixaram de me dar conforto moral e às vezes até material.
  3. O meu avô materno.  I.d.M.
  4. A Itália, o meu pais querido que amo sem reservas.
  5. As mulheres que se deixaram amar por mim, que aceitaram o meu amor, particularmente a A.
  6. As mulheres que me amaram, que me deram o seu amor, particularmente a S.
  7. Os bichos domésticos que me deram o seu afecto...cães, peixinhos, papagaios, todos.
  8. L'Aquila, a minha cidade.
  9. Todas as varias sociedades pelas quais tenho trabalhado, que me deram ordenados.
  10. A sociedade pela qual trabalho actualmente, que me paga todos os meses.
  11. Os velhos amigos dos tempos do "The Contest" - Modena , Itália, 1991-1993
  12. A  M.S., pessoa "essencial".
  13. A  L.G. ,  Hein Hahoresh,  Israel, 1986.
  14. O  R.C., meu chefe entre 1990 e 1997.
  15. Portugal e as mulheres portuguesas.
  16. Todos os autores de todos os livros que li.
  17. Todos os cantores de todas as canções que ouvi.
  18. Todos os carros que tive.
  19. O meu carro actual.
  20. Todos os meus queridos relogios.
  21. O meu passaporte italiano.
  22. A   C.R., pelas suas inesquecíveis seduções.
  23. A   Cat
  24. A   Filipa
  25. A   Tê
  26. A chafariz do anjo mudo em L'Aquila
  27. A  Porta Santa na Igreja de Collemaggio em L'Aquila
  28. O Papa Celestino V
  29. O imperador Federico II
  30. L'Aquila Rugby
  31. Quem combateu contra os Turcos na batalha de Lepanto.
  32. Benito Mussolini.
  33. O Principe Junio Valerio Borghese, Comandante da Decima Mas.
  34. Todas as pessoas que me deram lições de vida, incluindo as que me deram lições muito duras.
  35. Santo António que me salvou a vida a 13 de Junho de 1975. Obrigadissimo!!! Amo-te
  36. São Josemaria Escrivá
  37. Tim Berners-Lee (inventor do web)
  38. A tia M.
  39. A minha casa em L'Aquila.
  40. As minhas contas bancárias e tudo o meu dinheiro.

Quero agradecer também por tudo o que não consigo lembrar neste instante.

 

Eu quero perdoar todas as pessoas que me magoaram; pronto, estão perdoados, que Deus os abençoe, tudo de bem para vocês, sejam felizes.

Eu quero perdoar a mim proprio pelos erros e pelas faltas.

Quero agradecer a vida.

Tenho milhões de óptimas razões para agradecer a vida.

Olha, quero que saibas uma coisa: na verdade também tens milhões de óptimas razões para agradeceres a vida. Podes ver? Podes ver e sabes ler, percebes português? Estás a perceberes isto que vou escrevendo ,sozinho, sem a ajuda de ninguém? E achas que isso seria uma coisa normal? Não, não é normal, e sim especial, lembra que nem todos podem perceber isto sozinhos: não podem: os cegos, aqueles que não sabem ler, aqueles que não falam português.

Tu podes ver, sabes ler e sabes falar português?

Pronto, já tens três óptimos motivos para começares a ficar feliz e a dizer obrigado à vida.

Por favor, seja qual for a tua religião, leitor, reza para mim, eu quero uma prece tua, e se és ateu então simplesmente deseja-me algo de bom e de bonito desde esse teu coração.

A vida é bela.

Que Deus te abençoe sempre, tudo de bem para ti.

Abraços.

 


: feliz,agradecido,optimista
Assuntos: , ,

publicado por Il Conte às 20:11
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

arquivos

Outubro 2010

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

recentes

Apesar da ultrapassagem h...

Obrigado. Thank you. Graz...

Assuntos

a.o.i.

aborrecimento

acordo ortográfico

aktion t4

amizade

amor

anjo mudo

appena prima di partire

arquitectura fascista

asmara

beppino englaro

berlusconi

blackberry

blog

brasil

brasileiros

cacao meravigliao

camões

caprichos

carro

carros

cersaie

cesare battisti

chatice

codigo ladrões romenos

criminalidade

criminosos romenos

crise

democracia

desejo

dinheiro

direito à vida

duce

eluana

eluana englaro

emprego

emprego portuguesinho

eritreia

europa

europa de lepanto

eutanasia

ezra pound

fascismo

federico moccia

felicidade

ferias

flaminio maphia

forças armadas

fragmentos discurso amoroso

futebol

gratidão

hammarberg acorda!

hitler

ho voglia di te

homem estupido

humor

ilusões

imigração sem travões

italia

italia aos italianos

l'aquila

lula

luta à anarquia

luta à criminalidade estrangeira

maluquice

mara carfagna

mulher

mulheres

musica

musica italiana

nautica

officina del tempo

papagaios

perigo imigração

perigo imigrados

perigo romenos

ple

portugal

português língua estrangeira

problema criminalidade

problema romenos

problemas imigrados

racismo

relógios

relogios

rolex

romenos

saudade

saudades

segurança

sonhos

stronza

terrinha

tiziano ferro

trabalho

vida

violencia

violencia contra as mulheres

zero assoluto

todas as tags

links
feeds
pesquisar