Um espaço italianinho e maluco
Segunda-feira, 17 de Novembro de 2008
Um filme na minha cabeça

"...fui à loja numa hora em que a tal funcionária que eu falei estava a trabalhar, e curiosamente até estava sozinha. Há com cada coincidência... Depois do ajuste que demorou dois segundos, abordei-a se queria tomar um café comigo. A resposta é..."

(tirado do post  "305" publicado hoje 17 de Novembro no Blog  "Diário de um Frustrado".)

 

(ò Frustrado, até faço-te publicidade ao Blog, estás a ver?)

 

Estava há pouco a ler o Diário de um Frustrado, um blog aqui no Sapo escrito por um homem muito inteligente mas que, sabe-se lá porque, está convencido de não conseguir conquistar as mulheres, passa a vida a queixar-se e a ver tudo preto, é provavelmente o mais queixinha de todos os bloggers do Sapo. Eu por mim não tenho nada contra ele, alias tenho simpatia, faz-me sorrir, parece um pinto molhado, dá aquela ternura, mas sei que ele também sabe que as pessoas acabam por terem pena dele e de facto há muita ternura e carinho à volta dele, é uma alma sensível, uma pessoa demasiado leal e boa, que depois frequentemente e facilmente acaba magoada neste mundo de crocodilos e abutres. Agora eu fico feliz que ele tenha muitas amiguinhas a tentarem consola-lo, são dessas do tipo "enfermeira", que queriam salvá-lo, eu próprio queria ajudá-lo mas nem sei como.

Hmmm.....

Eh eh eh se calhar sei....

Quer dizer...isto parecia uma tarefa para a Portuguesa numero 2. A Portuguesa numero 2 é uma Portuguesa que eu não amo mas que desejo de maneira louca,a mim essa mulher

podia mandar-me realmente parar no manicómio se me apanhasse, acho que fazia qualquer coisa para ela, a nível mental e sexual acho que era o máximo para mim, sei que não dávamos bem juntos, como par, mas quem me dera passar umas horas com ela.

Bem, então agora vou deixar uma mensagem para ela:

 

Para a Portuguesa numero 2:

Querida, se por aqui passares, tinha uma missão para ti: queria que visitasses o blog diário de um frustrado (não hoje ou amanha, e sim para a semana, quando ele não estiver na defesa), bem, queria que tu visitasses o blog dele e depois queria que fizesses dele um TONY! Ah...querida, quem me dera ver-te a fazer dele um Tony. Sabes, já me estou a imaginar-te a trata-lo como se fosse um Tony. Acho que seria o melhor Tony do mundo.

Sabes, marota, queria voltar a ler o blog dele, daqui a uns dias, e encontrar entre os posts algo escrito por ti, acho que podia reconhecer muito bem o estilo.

Hmmmm....agora fecho os olhos e me vejo todo o filme na minha cabeça....um Hotel à beira mar...e o Frustrado nas tuas mãos...ele nem imagina o que lhe vai acontecer....mas vai gostar, claro!!! Vai adorar...

Ahhhh.....mas depois das tuas malícias, chegava por ali o amigo Maurizio e depois eras tu que ias fazer de Tê, como podes imaginar.

Sabes, querida, tenho muitas saudades tuas. Deixo-te em paz porque sou uma pessoa inteligente, mas a saudade aperta mesmo. Desejo-te tudo o que há de bom e de bonito.

Desejo-te conseguires ter sempre à tua volta uma meia duzias de Tonies, e também dois ou três Maurizios sempre prontos no caso de a maluquice bater à porta...



publicado por Il Conte às 19:36
link do post | comentar | favorito

6 comentários:
De Paula Patricio a 17 de Novembro de 2008 às 22:14
Olá!
Vim cá agradecer o comentário que deixaste no meu blog, bem como da tua visita.
Parabéns pelos 2 blogs


De Marta a 18 de Novembro de 2008 às 09:17
Tens toda a razão acho o "frustradoo" o maximo mas sabes como é autoconfiança só com o tempo.

Bjs


De Il Conte a 18 de Novembro de 2008 às 12:19
eu até conheço a mulher que o podia fazer muito feliz, mas ela anda muito ocupadinha e não tem tempo a perder com ele...quer dizer, ela até ia gostar de tratar dele mas acho que não tem tempo (infelizmente para ele...).


De a 18 de Novembro de 2008 às 20:55
Olá Conde. Vim só dizer que acho as ovelhas o máximo :)))))
Identificas-te?
Brincando ...


De Portuguesa2 a 7 de Dezembro de 2008 às 11:07
Demorei!!.... já me conheces... :) este pedido tem mais que uma semana, agora ele já ía estar realmente desprevenido.
Mas ó conde, eu dei-me ao trabalho de ler o blog do frustrado inteirinho e realmente não percebo a intenção, queres que faça dele um Tony? Ainda mais? Ele precisa é de ser um M, qual Tony qual quê!
Desculpa mas não me ía dar luta.


De Il Conte a 7 de Dezembro de 2008 às 18:15
Pigra!
Ah ah ah, mas não admira, e nem me importo, e depois é tb por isso que gosto de ti, pq és livre, pq não és de ninguém, e pq só fazes o que te apetece e quando te apetece. Há uma nacional tua que amei muito e há outra que amo muito agora, e queria casar com ela, viver com ela, e gosto dela, e sei que seria feliz com ela...ok, e então?
Então, querida Portuguesa 2, ela não é uma stronza , não é nenhuma stronza , tb é teimosa e tb é muito inteligente e independente, é livre, mas não é stronza .
Tu és uma grande stronza .
Nunca desejei ninguém como te tenho desejado a ti, e ainda te desejo e muito. Penso em ti continuamente, às vezes estou na cama e penso em ti e o desejo de ti não me larga. Não sei se existe um futuro meu com a portuguesa 3, mas sei que um futuro nosso, quer dizer de mim contigo não existe, tu não és a mulher certa para mim e eu não sou o homem certo para ti. Mas ao menos uma vez na vida, nem que seja uma única vez, queria experimentar esse cheiro, queria cheirar-te, queria ser mauri , tony e outra vez mauri , só não queria ser o E., queria ser tudo sem ser E.
Um dia vou esperar-te, vou aparecer, vou atravessar essa alameda que não quis atravessar, vou aparecer e pedir quando acabas de trabalhar, depois iria embora e voltaria quando acabasses de trabalhar e ali pedia-te de passares uma ou duas horas comigo. Não sei se seria capaz de convencer-te a essa maluquice, mas é uma tentativa que hei de fazer. Eras tu, o diabinho que podia perceber e satisfazer as minhas maluquices sexuais, as outras são diferentes, não são assim tão stronze como tu. se conseguir mudar para Portugal, vou fazer todos os possíveis para realizar umas maluquices contigo. A portuguesa numero 3 não sabe deste blog, este espaço maluco é só meu, se ela ler o que escrevi aqui deixa-me, mas eu quero-te, ainda quero-te, stronza maledetta , quero-te quero-te.
Desculpa, tudo isto não faz sentido, eu sei.
Olha, tens razão, o frustrado já até é demasiado tony , de facto não tinha piada! Era mais giro, de facto, pegar num convencido, num idiota que acha ser o máximo e depois sim fazer dele um tony . O frustrado já tem problemas sérios e não merece uma stronza como tu a estragar-lhe a cabeça, ele é demasiado frágil para ti, e não é justo disparar contra a cruz vermelha, deixa o infeliz em paz, é melhor, sim.
Nossa... stronza ...como te quero p...a, que vontade de te cheirar toda.
É IMPOSSÍVEL ESQUECER-TE, STRONZA


Comentar post

arquivos

Outubro 2010

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

recentes

Terrinha

Countdown

Dia insonso

Às veses eles voltam....

Onore e Gloria

Dois novos amigos

Português levanta o cú do...

Salvar Portugal

Boa vida

Uma vida muito real.

Assuntos

a.o.i.

aborrecimento

acordo ortográfico

aktion t4

amizade

amor

anjo mudo

appena prima di partire

arquitectura fascista

asmara

beppino englaro

berlusconi

blackberry

blog

brasil

brasileiros

cacao meravigliao

camões

caprichos

carro

carros

cersaie

cesare battisti

chatice

codigo ladrões romenos

criminalidade

criminosos romenos

crise

democracia

desejo

dinheiro

direito à vida

duce

eluana

eluana englaro

emprego

emprego portuguesinho

eritreia

europa

europa de lepanto

eutanasia

ezra pound

fascismo

federico moccia

felicidade

ferias

flaminio maphia

forças armadas

fragmentos discurso amoroso

futebol

gratidão

hammarberg acorda!

hitler

ho voglia di te

homem estupido

humor

ilusões

imigração sem travões

italia

italia aos italianos

l'aquila

lula

luta à anarquia

luta à criminalidade estrangeira

maluquice

mara carfagna

mulher

mulheres

musica

musica italiana

nautica

officina del tempo

papagaios

perigo imigração

perigo imigrados

perigo romenos

ple

portugal

português língua estrangeira

problema criminalidade

problema romenos

problemas imigrados

racismo

relógios

relogios

rolex

romenos

saudade

saudades

segurança

sonhos

stronza

terrinha

tiziano ferro

trabalho

vida

violencia

violencia contra as mulheres

zero assoluto

todas as tags

links
feeds
pesquisar