Um espaço italianinho e maluco
Quarta-feira, 16 de Julho de 2008
Não sou aquele mau rapaz...

Há uns meses publiquei no meu blogue uma foto minha com cara de louco fugido do Júlio De Matos, hoje voltei a esse post para responder a um comentário e quase que fiquei com medo de mim próprio ! Nessa foto tinha mesmo uma cara de mau sujeito nada aconselhável !

A tentação foi logo de tirar imediatamente a foto com cara de doidinho, mas depois até achei piada e afinal que fique alí, eu não me importo, não quero fazer "marketing pessoal" da minha pessoa no meu blogue, não quero tentar "vender" a minha imagem aos leitores tentando ser de qualquer forma cativante, quem gosta de mim aparece aqui , quem não gostar escolhe outros blogues, o Sapo está cheio de blogues  !

Mas ao menos queria publicar outra foto minha, desta vez com cara de bom homem, para que as pessoas que acabem no blogue não fiquem a pensar que eu sou mesmo o doidinho que parecia na outra !

Na foto estou ao lado da minha sobrinha Vittoria, que ao momento é para mim a mais bela entre as minhas nacionais Italianas. Eu ando muito apaixonado para ela e sempre que posso aproveito para lhe dar muitos beijinhos !

 


:

publicado por Il Conte às 19:46
link do post | comentar | favorito

7 comentários:
De Flá a 16 de Julho de 2008 às 20:18
Amorosa e lindíssima , sem qualquer duvida.

Continua a ter cara de italiano, mas já não tem é cara de mafioso

Se não tivesse gostado do blogue e não vise nela interesse algum nunca o teria comentado, ou se quer lido quase integralmente.

beijo*


De Il Conte a 16 de Julho de 2008 às 20:56
Estrelinha eu nem estava pensando em você quando escrevi que quem eventualmente não gostasse do blogue ao dar com essa cara de doido podia escolher outro ! Por acaso se a estrelinha parasse de visitar o meu blogue ficava com saudades, já que ele me alegra os posts com comentários , senão parecia-me era de escrever para o boneco, sem comentário nenhum, continuava escrevendo, como exercício para me obrigar a praticar a língua portuguesa, mas sem duvida o blogue ficava mais tristinho . A Princesa é uma leitora presente e fiel, motiva muito, não ficaria nada indiferente se ela desaparecesse do blogue, prefiro é que fique! Não estava a falar de você, sua parvalhona !
Então teria uma cara bem italianinha ? Antes assim ! Como eu sou nacionalista declarado e só podia viver na Itália, então ter uma cara bem italiana serve. Se tivesse cara de romeno então isso já era mais chato !!!
Contudo, se eu não fosse Italiano, só queria mesmo ser Português. Amo a minha terrinha, a minha gente, e quero ficar aqui, mas se fosse Português então vivia em Portugal e acho que podia ser feliz na mesma, acho que podia muito bem viver em Portugal sem problemas e achar isso lindo, e se calhar se tivesse nascido Português capaz que teria gostado da Itália, como segunda pátria adoptiva.
"Devo ter um antepassado Português que não conheço" - escrevia o Antonio Tabucchi.
Será que também tenho um antepassado Português ?
Logo na primeira vez que cheguei a Portugal tive uma sensação realmente esquisita: naquela altura eu nem falava uma palavra de português, e contudo, ali, nessa terra estrangeira, sentia-me "em casa". Tudo parecia familiar, os lugares, as pessoas, como se eu tivesse nascido e crescido ali, uma sensação realmente magica, que só Portugal me deu, viajei imenso, em países de vários continentes, mas isso de estar "em casa" só mesmo em Portugal.


De Flá a 16 de Julho de 2008 às 21:06
Parvalhona? já não me chamavam iss à tanto tempo, acho que já tinha saudades, o meu pequeno irmão, 15 anos mais novo, só me chama estúpida

Eu ainda não saí da nossa Europa, já conheço alguns países mas ainda não senti esse efeito borboleta na barriga em nenhum dos países que visitei, ainda não visitei a sua itália com tanta história com tantos lugares onde a simplicidade da paisagem deve ser arrebatadora como no meu Portugal.

Que eu tenha conhecimento não tenho antepassados que não portugueses, mas devo ter qualquer antepassado assim muito antepassado nórdico, pois grande parte da minha familia materna tem olhos claros e eu tenho a pele muito clarinha e tenho sardas, por muita pena minha.


A proposito de existirem certas caracteristicas fisicas associadas a pessoas de países especificos, os tontos dos brasileiros ainda acreditam que as mulheres portuguesas são todas gordas e que até têm bigode veja-se bem, enfim tontos.



De Il Conte a 16 de Julho de 2008 às 21:58
Para não falarmos do que um romeno chegou a dizer da mulher portuguesa, publiquei uma tirada desse palerma a 18 de Junho. realmente esse romeno e eu temos uma visão completamente diferente da mulher portuguesa.


De Eusinha a 16 de Julho de 2008 às 23:11
Muito bonita a tua sobrinha. Tem um ar muito tranquilo e ao mesmo tempo feliz.
Parabéns aos dois. São agradáveis à vista

Fica bem


De Il Conte a 16 de Julho de 2008 às 23:20
Muito obrigado, Eusinha. Tudo de bem para ti também.


De Blue Eyes a 17 de Julho de 2008 às 21:27
Que menina LINDA! =D
Tu és um português q vive em Itália? Por acaso gosto desse país, é um dos paises europeus que mais me desperta a curiosidade!
Beijinho


Comentar post

arquivos

Outubro 2010

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

recentes

Terrinha

Countdown

Dia insonso

Às veses eles voltam....

Onore e Gloria

Dois novos amigos

Português levanta o cú do...

Salvar Portugal

Boa vida

Uma vida muito real.

Assuntos

a.o.i.

aborrecimento

acordo ortográfico

aktion t4

amizade

amor

anjo mudo

appena prima di partire

arquitectura fascista

asmara

beppino englaro

berlusconi

blackberry

blog

brasil

brasileiros

cacao meravigliao

camões

caprichos

carro

carros

cersaie

cesare battisti

chatice

codigo ladrões romenos

criminalidade

criminosos romenos

crise

democracia

desejo

dinheiro

direito à vida

duce

eluana

eluana englaro

emprego

emprego portuguesinho

eritreia

europa

europa de lepanto

eutanasia

ezra pound

fascismo

federico moccia

felicidade

ferias

flaminio maphia

forças armadas

fragmentos discurso amoroso

futebol

gratidão

hammarberg acorda!

hitler

ho voglia di te

homem estupido

humor

ilusões

imigração sem travões

italia

italia aos italianos

l'aquila

lula

luta à anarquia

luta à criminalidade estrangeira

maluquice

mara carfagna

mulher

mulheres

musica

musica italiana

nautica

officina del tempo

papagaios

perigo imigração

perigo imigrados

perigo romenos

ple

portugal

português língua estrangeira

problema criminalidade

problema romenos

problemas imigrados

racismo

relógios

relogios

rolex

romenos

saudade

saudades

segurança

sonhos

stronza

terrinha

tiziano ferro

trabalho

vida

violencia

violencia contra as mulheres

zero assoluto

todas as tags

links
feeds
pesquisar