Um espaço italianinho e maluco
Sexta-feira, 25 de Abril de 2008
Um lugar ao sol...pequenino.
Hoje é dia de festa nacional também na Itália, também com aquela cor muito vermelha que já não faz-la muito sentido, dificil encontrar ainda comunistas na Itália, com tanta criminalidade devida à imigração ilegal, já ninguém confia no comunismo, passaram já muitos anos mas também continua-se a festejar a "liberação"...mah...eu admito que esta manha gostei de ficar na caminha uma hora a mais e de ir dar um passeio no centro em vez de ir trabalhar, mas acho que o 25 de Abril italiano é uma festa que já não faz sentido. No post precedente quis lembrar a elegancia do estilo colonial português, que foi realmente unico no mundo, de facto Portugal foi o unico pais que teve mais "provincias ultramarinas" do que colonias, pois em Luanda ou Lourenço Marques vivia-se tão bem como em Lisboa ou no Porto, e se calhar vivia-se ainda ,melhor , e todos os que passaram por ai ainda agora andam com a alma estragada pela saudade desses bons tempos de terras ao sol. O Mussolini deu à Itália o seu pequeno lugar ao sol, é claro que não se pode comparar com o imperio português, não fazia sentido nenhum, o imperio italiano foi pequenino e não durou cinco seculos como o portugûes mas poucos anos no seculo passado, mas ainda assim não foi mauzinho...Albania,Grecia,Libia,e depois a Africa Oriental Italiana : Etiopia,Eritrea e Somalia.
Entre estes lugares a Eritrea foi sem duvida o mais italianinho de todos, e Asmara é de facto uma cidade italiana, com uma arquitectura tipicamente italiana e uma maneira italiana de estar na vida.
Apesar do tempo ainda hoje Asmara é uma cidade que sabe muito à Italia.

:

publicado por Il Conte às 16:56
link do post | comentar | favorito

2 comentários:
De Anónimo a 13 de Agosto de 2008 às 15:39
...uma maneira italiana de estar com cheirinho a iperita tb conhecida como gàs mostarda- ..o chefe recomenda a leitura do Angelo Del Boca. Atenciosamente,
Dulce


De Il Conte a 13 de Agosto de 2008 às 19:22
Olha que foi uma guerra! Uma guerra de conquista colonial ! Não percebo o motivo do seu escândalo ! Eu não fico escandalizado com os Portugueses que fizeram comercio de escravos entre África e América nem com americanos que utilizaram bombas atómicas no Japão , nem com o Videla que tive que fazer desaparecer no Atlântico uns terroristas subversivos. Também não me escandalizo com as guerras do Mussolini, que alias foi muito mais humano de outros ditadores , humano e justo, não tinha caprichos absurdos ou simpatias, se alguém portava-se mal apanhava, mas ninguém apanhava sem motivo. Li o Del Boca , mas não é um histórico anti-mussolini , muito pelo contrario!!!
Contudo tudo de bem para si, nem todos amam Mussolini, nem todos amam Salazar, mas também nem todos amam Fidel Castro, Stalin , Mao tze tung ou Pol Pot : Mas se calhar a Dulce é a guarda da Verdade, portanto já decidiu que fascistas=maus, comunistas=bons.
mas ok, eu não quero nem preciso converti-la, deixo-a livre de continuar com as suas opiniões. Eu sou fascista, mas deixo liberdade a quem não pensa como eu.


Comentar post

arquivos

Outubro 2010

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

recentes

Terrinha

Countdown

Dia insonso

Às veses eles voltam....

Onore e Gloria

Dois novos amigos

Português levanta o cú do...

Salvar Portugal

Boa vida

Uma vida muito real.

Assuntos

a.o.i.

aborrecimento

acordo ortográfico

aktion t4

amizade

amor

anjo mudo

appena prima di partire

arquitectura fascista

asmara

beppino englaro

berlusconi

blackberry

blog

brasil

brasileiros

cacao meravigliao

camões

caprichos

carro

carros

cersaie

cesare battisti

chatice

codigo ladrões romenos

criminalidade

criminosos romenos

crise

democracia

desejo

dinheiro

direito à vida

duce

eluana

eluana englaro

emprego

emprego portuguesinho

eritreia

europa

europa de lepanto

eutanasia

ezra pound

fascismo

federico moccia

felicidade

ferias

flaminio maphia

forças armadas

fragmentos discurso amoroso

futebol

gratidão

hammarberg acorda!

hitler

ho voglia di te

homem estupido

humor

ilusões

imigração sem travões

italia

italia aos italianos

l'aquila

lula

luta à anarquia

luta à criminalidade estrangeira

maluquice

mara carfagna

mulher

mulheres

musica

musica italiana

nautica

officina del tempo

papagaios

perigo imigração

perigo imigrados

perigo romenos

ple

portugal

português língua estrangeira

problema criminalidade

problema romenos

problemas imigrados

racismo

relógios

relogios

rolex

romenos

saudade

saudades

segurança

sonhos

stronza

terrinha

tiziano ferro

trabalho

vida

violencia

violencia contra as mulheres

zero assoluto

todas as tags

links
feeds
pesquisar