Um espaço italianinho e maluco

Quarta-feira, 6 de Agosto de 2008
Juntos , contra a violência dos criminosos extracomunitarios

 

A 4 de Agosto de 2008 começou o Plano Segurança do Governo Italiano. As Forças Armadas italianas descem nas ruas armadas em missões de patrulhamento para identificar as pessoas suspeitas de serem criminosos estrangeiros e garantir a segurança de estações, metros e embaixadas. No vídeo um serviço da televisão alemã que fala dos militares italianos nas ruas.

Tu também pede ao teu governo mais segurança, e eventualmente a utilização das forças armadas para combater ao lado das normais forças policias contra a violência dos imigrados extracomunitários e neocomunitarios. O momento de começarmos a lutar de maneira mais dura contra eles é agora, alias já temos perdido demasiado tempo, já é tarde!

Pede mais segurança já, aos teus políticos!

Não fiques a espera que Portugal chegue a ter os mesmos problemas de criminalidade da Itália: Pensas que o teu pais seria poupado? Pensas que Portugal ficaria uma ilha feliz sem a criminalidade estrangeira que há na Itália? Ilusão! É somente uma questão de tempo , pouco tempo. Eles vão chegar! Eles estão chegando!!!

Mas não estamos obrigados a mandarmos os nossos países à merda, podemos reagir, que imigrem antes na Australia ou no Canada, são paises ricos com muito espaço para novos imigrados. Aqui na Europa já estamos como sardinhas e não me parece que haja espaço para deixar que todos os desgraçados do planeta se mudem para cà. A Europa já acolheu bastante , agora é a vez de outros paises, Australia, Canada, mas também Russia, China, de acolherem imigrados africanos,latinoamericanos e asiaticos. Nos os Europeus não podemos salvar o mundo, não temos esse papel.

 


:

publicado por Il Conte às 19:27
link do post | comentar | favorito
|

Quarta-feira, 30 de Julho de 2008
Hammarberg acordaaaaaaaaaa....acordaaaaaaa....P...A !

 

 

 

Thomas Hammarberg, Delegado europeu Direitos Humanos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 



Roberto Maroni, Ministro do Interior da Republica Italiana

 O Hammarberg com uma visita de dois dias na Itália percebeu tudo da imigração e dos erros do governo italiano e da policia italiana. Nos seriamos todos uns racistas fascistas....

Hammerberg, falas e não sabes, atacas a policia italiana...que vergonha, realmente...que nojo estes burocratas europeus...

No entanto 21 imigrados foram salvos pelas autoridades italianas, mas 7 morreram, mais uma tragedia no canal de Sicilia. Não era melhor parar com este comercio internacional de desgraçados? Quantas pessoas têm que morrerem nestas viagens do desespero?

A policia italiana mete a alma em tudo o que faz, são uns anjos e tratam todos por senhores, atacar a policia italiana é algo que realmente não se pode aceitar, francamente, sempre por ai a trabalharem tão duro, com riscos enormes e por ordenados de fome, e agora ataques por parte da Europa? Não, não, obrigado. Um grande abraço solidario ao meu governo, às forças policiais e também às forças armadas que a partir de 4 de Agosto vão descer na rua ajudar a policia.

Eu fico ao lado do meu governo e sinto somente um grande nojo por esse Hammerberg e pelos seus companheiros de merendas da União Europeia.

Grazie a Dio sono Italiano.


: orgulhoso do governo italiano

publicado por Il Conte às 19:31
link do post | comentar | favorito
|

Terça-feira, 29 de Julho de 2008
Mas que grande seca a União Europeia !

 

 

Mamma mia mas que grande seca esta Europa, quem diria que um dia chegasse a ser tão chata ! Mal acabaram a Unicef e o governo espanhol a chatear e  agora começou o Delegado do Conselho da Europa a chatear acusando a Itália de ser demasiado dura com os imigrados. A Europa só devia agradecer a Itália de ser dura, muitos imigrados que chegam na Itália pelo mar não param aqui e sim mudam para outros países Europeus, portanto quanto mais dura for a Itália contra os imigrados ilegais, menos criminalidade há nos outros países europeus. A Itália devia ser um exemplo para os outros países imitarem, em vez de nos deixarem sozinhos a salvar a Europa desta invasão. Hoje o Ministro italiano do interior apareceu na Assembleia da Republica Italiana e estava furioso contra o Delegado europeu, mal conseguiu disfarçar a raiva do governo italiano contra estes burocratas sem tomates que custam aos contribuintes europeus e não servem para nada, se ainda queimássemos todas as repartições da União Europeia mudava tudo para o melhor, o Delegado do Conselho Europeu chegou a atacar violentamente a Policia Italiana, que seria demasiado dura contra os ciganos romenos. Demasiado dura? Não é nada! Quem me dera fosse, mas não é!

No entanto o decreto lei para a segurança foi aprovado pelo parlamento italiano e è Lei do estado. A partir do dia 4 de Agosto as Forças Armadas vão descer à rua para ajudar a Policia na luta contra a imigração ilegal. Os militares vão circular armados pelas ruas, tipo Argentina nos tempos do Videla e vão parar as pessoas suspeitas de serem imigrados ilegais ou criminosos para pedir identificação. Desde já os militares envolvidos na luta à criminalidade devida à imigração vão ser somente 3.000, nas áreas mais perigosas do pais, mas eu  tenho esperança que o numero seja cedo acrescido. Ouvi muitas entrevistas pela radio aos meus nacionais e todos estão de acordo com a utilização dos militares contra os imigrados, afinal estamos metidos numa verdadeira guerra e não podemos permitir a esta gente de mandar na nossa casa. Outra medida vai ser nas reformas: antes um estrangeiro qualquer, com 65 anos de idade, chegava a Itália e tinha direito à reforma de velhice, 395 euros por mês, velhos imigrados que vinham aqui estar com os filhos somente para apanhar esses  395 euros mensais pagos pelos contribuintes italianos. Chega! Agora vai ser preciso ter ao menos 10 anos de taxas pagas na Itália para receber a reforma dos idosos, quem imigra velho sem nunca ter trabalhado na Itália e sem nunca ter pago taxas na Itália agora não vai receber nada. O novo governo está a destruir o sistema comunista do Governo anterior mas ainda fica muito para fazer, contudo o Governo Italiano está a trabalhar mesmo bem, enfrentando os problemas do pais com coragem e sem medo dos estrangeiros (Unicef, União Europeia,  Amnisty International, etc.)

O Mussolini dizia:

Noi tireremo diritto

Nos (os Italianos) vamos seguir para a frente.

 


: orgulhoso por ser italiano

publicado por Il Conte às 21:38
link do post | comentar | favorito
|

Domingo, 20 de Abril de 2008
A Itália contra a violência devida à imigração.
Entre altos e baixos continua a guerra italiana à violência causada por uma imigração sem  travões . Ontem uma mulher de 31 anos estava a caminho de casa depois das aulas do master em economia, uma rapariga de bem filha duma funcionaria da embaixada do Lesoto em Roma, a jovem enganou-se na paragem do autocarro desceu demasiado cedo e então começou a andar a pé ,na rua, ...um homem a segui-la e de repente o homem na frente dela, a cravar-lhe uma faca na barriga e a atira-la para uma vereda , ela a tentar escapar e o homem , de nacionalidade romena  a mexer a faca na barriga e a  violar a jovem. Felizmente um carro dos Carabinieri chega logo a salva-la, o Romeno, 37 anos está agora preso , raios o partam, mas a jovem está salva no Hospital, graças a Deus e graças aos Carabinieri , a melhor força policial italiana. Correu relativamente bem, apesar de tudo, violada, quase morta pela perca de sangue mas agora ainda em vida felizmente. O pais está a vencer umas batalhas, as violências sexuais baixaram em seis meses de 12,6 % mas ainda fica muito para fazer. Aumenta graças a Deus cada dia mais o numero de criminosos expatriados, os Romenos, apesar de serem cidadãos comunitários podem ser também expatriados quando criminosos e como geralmente entre as pessoas dessa nacionalidade a percentagem dos criminosos é altíssima muitos desses enviados de volta para a terrinha são mesmo Romenos. A Itália agora tem que enfrentar a acusa de ser um pais racista e xenófobo , na realidade nunca foi, é alias um pais mesmo hospital para quem vem aqui como turista ou para trabalhar, mas a gente começa a estar farta de ter medo com tantos imigrados ilegais e comunitários a cometerem actos criminosos no país. Imagina-te ser a mãe ou ou pai duma jovem de 31 anos, tu nem sequer és italiano/a, és um diplomata de uma pais estrangeiro que trabalha numa embaixada em Roma, a tua filha de 31 anos está no hospital às portas da morte, porque um Romeno imigrado pensou de cravar-lhe uma faca na barriga, para puder violar a tua filha mais à vontade, a tua filha está salva porque a policia italiana conseguiu chegar a tempo , a tua filha trazida para o Hospital e o Romeno preso: a pergunta é: achas que a Itália tem o direito de travar uma guerra contra os imigrados ilegais e contra os Romenos, que apesar de comunitários são geralmente muito criminosos? Preferes mais controlos e mais segurança para a tua filha ou preferes antes mais liberdade para os imigrados ilegais e os Romenos? Na Roménia a criminalidade baixou de 30 % mas não foi por a policia Romena ser cada dia mais eficaz, foi simplesmente porque a Roménia está a esvaziar-se de criminosos, exporta criminosos no mundo e na Itália em particular. Eu não sei porque a Roménia se encontra na Comunidade Europeia, francamente não consigo ver quais as vantagens de ter essa companhia cá em casa...

:

publicado por Il Conte às 12:26
link do post | comentar | favorito
|

arquivos

Outubro 2010

Setembro 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

recentes

Juntos , contra a violênc...

Hammarberg acordaaaaaaaaa...

Mas que grande seca a Uni...

A Itália contra a violênc...

Assuntos

a.o.i.

aborrecimento

acordo ortográfico

aktion t4

amizade

amor

anjo mudo

appena prima di partire

arquitectura fascista

asmara

beppino englaro

berlusconi

blackberry

blog

brasil

brasileiros

cacao meravigliao

camões

caprichos

carro

carros

cersaie

cesare battisti

chatice

codigo ladrões romenos

criminalidade

criminosos romenos

crise

democracia

desejo

dinheiro

direito à vida

duce

eluana

eluana englaro

emprego

emprego portuguesinho

eritreia

europa

europa de lepanto

eutanasia

ezra pound

fascismo

federico moccia

felicidade

ferias

flaminio maphia

forças armadas

fragmentos discurso amoroso

futebol

gratidão

hammarberg acorda!

hitler

ho voglia di te

homem estupido

humor

ilusões

imigração sem travões

italia

italia aos italianos

l'aquila

lula

luta à anarquia

luta à criminalidade estrangeira

maluquice

mara carfagna

mulher

mulheres

musica

musica italiana

nautica

officina del tempo

papagaios

perigo imigração

perigo imigrados

perigo romenos

ple

portugal

português língua estrangeira

problema criminalidade

problema romenos

problemas imigrados

racismo

relógios

relogios

rolex

romenos

saudade

saudades

segurança

sonhos

stronza

terrinha

tiziano ferro

trabalho

vida

violencia

violencia contra as mulheres

zero assoluto

todas as tags

links
feeds
pesquisar